SESSÃO CIRCUITO CINECLUBISTA ASCINE-RJ NO FESTIVAL VISÕES PERIFÉRICAS 2012

Nesta Quinta, 18, vai rolar uma sessão especial com filmes do Visões 2012 dentro do Circuito Cineclubista Ascine-RJ.
SESSÃO CIRCUITO CINECLUBISTA ASCINE-RJ
NO FESTIVAL VISÕES PERIFÉRICAS 2012
CINECLUBE ATLÂNTICO NEGRO http://atlanticonegro.blogspot.com.br/
QUINTA-FEIRA, DIA 18/10/2012, 21 HS, TEMPO GLAUBER
Duração: aprox. 62 minutos

Não Pode Cair a Máscara

Dir. Adalmir José (doc – PE – 14′)
Relato de mestres de reizado das Comunidades Quilombolas de Caatinguinha e São José da Mata no município de Orocó (PE), onde expressam a preocupação de que essa manifestação venha se acabar com o passar do tempo em virtude da violência na região e a falta de renovação no grupo.
João Black
Dir. Rogério Galalau e Felipe Varanda (doc – RJ – 6′)
João Black é cantor, compositor e dançarino da comunidade do Arará.
O artista criou um estilo próprio misturando funk carioca com Michael Jackson e James Brown.

Caxambu do Salgueiro

Prod. Instituto Tear (doc – RJ – 22′)
O documentário revela a importância histórica e cultural do grupo de jongo do morro do Salgueiro, no Rio de Janeiro. Produzido em 2011 por jovens participantes do Núcleo de Mídia do Instituto de Arte Tear.

Amassa o barro: um passado presente

Dir. Leila Leal, João Mendonça e Antônio Nykiel (doc – BA – 20′)
Uma reunião de famílias, um grande clã em Lages dos Negros na Bahia, se organiza de acordo com os ensinamentos dos seus antepassados em prol do levante de uma casa de barro.
Publicado em Visões Periféricas | Comentários desativados

Os premiados do 6º Festival Visões Periféricas

Visionários, está quase se aproximando o fim do 6º Festival Visões Periféricas e como anunciamos antes, a quinta-feira foi dia de revelar os premiados das Mostras Competitivas Visorama, Fronteiras Imaginárias e Tudojuntoemisturado. A cerimônia de encerramento e premiação dessas mostras aconteceu no Oi Futuro em Ipanema, com direito coquetel e brinde de espumante para prestigiar os grandes ganhadores da noite. Vamos conferir quem ganhou?!

A Mostra Visorama, que apresenta filmes feitos por coletivos de jovens participantes de oficinas audiovisuais, premiou cinco obras: Do outro lado do Rio, de direção coletiva e de Catraia, de Damaris Ribeiro ganharam os prêmios principais, respectivamente, o kit cedido pelo CTAv (Centro Técnico de Audiovisual) e uma bolsa de estudos na Academia Internacional do Cinema. Marlon Delano, diretor de arte de Do outro lado do Rio, recebeu ainda o troféu deste ano do Visões Periféricas. Também conhecido por Tijuca, dos alunos da rede pública de Pancas (ES); Marinete, de direção coletiva e Tente Escutar, de Juarez Malavazzi, ganharam menção honrosa.

Na Mostra Fronteiras Imaginárias, os jurados também tiveram muita dificuldade de escolher o melhor filme entre tantas obras boas e por isso, resolveram premiar quatro filmes. O cadeado, de Leon Sampaio, foi o grande vencedor. Leon recebeu além do troféu da mostra , um kit CTAv. Tuca Siqueira, de Garotas da Moda, ganhou o prêmio Lucas Marcier e Kiko Alves, de Loas aos Reis do Congo, ganhou o prêmio Tela Brasileira. O filme Quando Morremos a Noite, de Eduardo Morotó, ganhou menção honrosa.

E o grande vencedor da Mostra Tudojuntoemisturado, que tem exibição e votação on line, foi Eu quero fazer um filme, de André Araújo Rodrigues (CE). Este filme teve 502 votos e ganhou disparado dos outros inscritos. O prêmio, um Novo Ipad, será enviado ao diretor ganhador pela produção do festival. E quem quiser conferi-lo basta acessar nosso site www.visoesperifericas.org.br.

O Festival este ano resolveu ainda premiar os filmes da mostra Cinema da Gema, que não é competitiva. O filme No limite do Horizonte, de coleção coletiva, foi o grande premiado. Um representante do grupo esteve presente na cerimônia de premiação e recebeu das mãos da nossa diretora geral, Karine Muller, a coleção Filme e Cultura, outro prêmio concedido pelo CTAv.

E foi isso, queridos visionários. O festival já está acabando, mas ainda dá tempo de conferir as últimas programações que estão rolando no Centro Cultural Justiça Federal. Confiram na programação os horários das mostras e não deixem de aparecer!

Publicado em Visões Periféricas | Comentários desativados

O último dia do Festival Visões Periféricas 2012 chegou. Saiba o que vai rolar hoje:

No CCJF na Av. Rio Branco, 241 – Centro do Rio

Exibição dos filmes criados na oficina “Madureira Vale um Filme” às 17h
Premiação dos filmes  criados na oficina “Madureira Vale um Filme” às 19h
Encerramento e coquetel de premiação

Publicado em Visões Periféricas | Comentários desativados

Saiba como será o penúltimo dia do Festival Visões Periféricas 2012

No Centro Cultural Justiça Federal – Av. Rio Branco, 241 – Centro:

Mostra Lugar Incomun às 16h
Filme em Curso  às 17h
Filme Viva Favela às 19h

Publicado em Visões Periféricas | Comentários desativados

Quarta-feira super agitada no Festival Visões Periféricas 2012

Seguindo no ritmo frenético, a quarta-feira também foi dia de muitas programações no Festival Visões Periféricas. Além da oficina Madureira Vale um filme, que segue a todo vapor no bairro, pela manhã tivemos ainda a segunda sessão da Mostra Periferia Animada, no OI Futuro, em Ipanema.

Tarde e noite foram marcadas por estreias e encerramentos no festival. No Oi Futuro, seguiram-se as exibições da Mostra Ibero-americana, que contou com a presença dos realizadores, da Mostra Singular Periferia e a terceira e última sessão da Mostra Competitiva Visorama (hoje saem os premiados dessa mostra). Já no Centro Cultural Justiça Federal, tivemos a estreia da Mostra Retrospectiva TV Maxambomba, com exibições dos vídeos produzidos no CECIP – Centro de Criação de Imagem Popular. Essa mostra faz parte das homenagens que esse ano o Visões Periféricas faz ao CECIP pelo conjunto de sua obra em 25 anos de trabalho com imagem popular.

O fim do dia foi também o fim da série de exibições nas comunidades. O filme Vila Parque, de Eduardo Coutinho, foi exibido na comunidade de mesmo nome e mais uma vez os personagens tiveram presentes para prestigiar o evento junto ao diretor. Com certeza foi um encerramento à altura do brilhante cineasta Eduardo Coutinho. E como nas comunidades tudo é uma festa, o final da exibição teve bolo, guaraná e muitos parabéns a Dona Teresinha, uma das musas do filme Vila Parque.

Hoje têm muito mais, visionários! Além das sessões no Centro Cultural Justiça Federal e no OI Futuro, teremos também o encerramento e premiação das Mostras Competitivas Visorama, Fronteiras Imaginárias e Tudojuntoemisturado. Se vocês votaram na internet e estão curiosos para saber a decisão dos jurados, não deixem de conferir! Para saber mais sobre a programação, acessem nosso site www.visoesperifericas.org.br.

Publicado em Visões Periféricas | Comentários desativados

Sabe o que vai rolar no Festival Visões Periféricas nessa quinta-feira, dia 23

No Oi Futuro em Ipanema na Rua Visconde de Pirajá, 54 (Metrô Gal. Osório):

Mostra Ibero-americana às 15h
Mostra Cinema da Gema às 17h
Premiação das mostras competitivas às 19h

No Centro Cultural Justiça Federal na Av. Rio Branco, 241 – Centro:

Mostra Transições às 15h
Mesa Redonda às 16h
Mostra Retrospectiva TV Maxambomba às 18h
Mostra Memórias às 19h

Publicado em Visões Periféricas | Comentários desativados

Da Zona Norte à Zona Sul, do asfalto ao morro – a terça-feira do Festival Visões Periféricas

A programação do Festival Visões Periféricas segue frenética nos mais diversos lugares da cidade. De Madureira ao Morro Dona Marta, da Ilha do Governador à Ipanema, ontem o dia foi de circular pela cidade com muitos filmes, oficinas e animação nos espaços programados pelo evento.

Logo pela manhã, a equipe do Visões Periféricas foi à Madureira para mais uma dia da Oficina Madureira Vale um filme. Como falamos antes, essa oficina ocorrerá até o dia 24 de agosto, no espaço Nave do Conhecimento. Os filmes realizados por alunos do bairro e de regiões vizinhas serão exibidos em sessão especial, no dia 25, no Espaço Cultural Justiça Federal.

Já do outro lado da cidade, em Ipanema, as crianças se divertiram pela parte da manhã com a primeira sessão da Mostra Periferia Animada. Na tarde, a programação teve início às 15h com a Mostra Ibero-Americana. Os realizadores da Colômbia e do Chile, convidados pela primeira vez a participar do festival, deram uma palavrinha com a plateia depois das exibições. Em seguida teve inicio a sessão da mostra Cinema da Gema. Por fim, foram exibidos os filmes da Mostra Competitiva Fronteiras Imaginárias, encerrando-se o dia de programação no OI Futuro.

Uma novidade do festival desse ano também ocorreu no dia de ontem: a oficina para a TV Nova Degase. A realizadora Livia Montes, convidada da Venezuela, foi até a instituição de jovens em conflito com a lei – Nova Degase – para falar um pouco sobre sua experiência de trabalho com jovens em conflito no seu país. Foi uma troca muito proveitosa e os jovens participantes ficaram empolgados sobre as possibilidades que pode gerar o audiovisual.

O dia de programação encerrou-se com a subida ao morro Dona Marta (com direito a passeio no plano inclinado) para ver o filme Santa Marta ao lado dos diretores Eduardo Coutinho e João Moreira Sales (que compareceu ao local para prestigiar o amigo de longa data). Visual lindo, reencontro entre diretor e personagens e mais homenagens a Coutinho marcaram essa exibição.

Para o dia de hoje tem muito mais. Como dizemos sempre, para conferir a programação basta acessar o site www.visoesperifericas.org.br. Ainda dá tempo, visionários! Não deixem de curtir os últimos dias do festival!

Publicado em Visões Periféricas | Comentários desativados

Confira a programação do Festival Visões Periféricas para essa quarta-feira dia 22

O dia está quente e a programação do Festival também!! Saiba o que vai rolar:

No Oi Futuro em Ipanema na Rua Visconde de Pirajá, 54 (Metrô Gal. Osório):

Mostra Ibero-americana às 15h;
Mostra Singular Periferia às 17h;
Mostra Visorama às 19h.

No Centro Cultural Justiça Federal na Av. Rio Branco, 241 – Centro:

Mostra Retrospectiva TV Maxambomba às 16h;
Mostra Sons do Mundo às 19h.

Comunidade Vila Parque na Estrada Santa Marinha nº 514 (Em frente ao Instituto Nossa Senhora de Lourdes):

Mostra Periferia Animada às 20h;
Exibição de “Santo Forte” de Eduardo Coutinho às 21h.

Publicado em Visões Periféricas | Comentários desativados

Madureira, América Latina e Cantagalo: o quinto dia do Festival Visões Periféricas

O quinto dia do Festival Visões Periféricas começou com novidades na programação. A Oficina Madureira Vale um Filme, pela primeira vez programada pelo festival, teve início ontem, em Madureira. Ao todo, trinta jovens da região e de bairros vizinhos se inscreveram para fazer um curso rápido de técnicas audiovisuais e produzir um vídeo de três minutos, que será exibido ao final do festival. Os vídeos deverão ter como tema o bairro de Madureira, seus moradores e cultura.

Outra programação que teve início na noite de ontem foi a Mostra Ibero-Americana, no Instituto Cervantes. Este ano, a mostra passou a não ser mais competitiva e o festival convidou a vir ao Rio alguns dos realizadores dos filmes que estão sendo exibidos. Cineastas do Chile, Venezuela e Colômbia estão pela primeira vez no Brasil, na cidade maravilhosa, para vivenciar esse momento de exibição dos seus filmes em tela grande. E eles se dizem encantados com a beleza do Rio, das comunidades e do povo local. Está sendo um intercâmbio e tanto de culturas e vivências.

O dia de ontem se encerrou com mais uma exibição no Morro do Cantagalo, no Museu da Favela. A Mostra Terra, outra novidade do festival desse ano, exibiu filmes cujas temáticas eram a relação do homem com a natureza. Sob diferentes pontos de vistas, os filmes passaram suas mensagens sobre o tema.

Visionários, vocês já perceberam que o dia de ontem foi de muitas novidades, não é?! E hoje tem muito mais! Para conferir a programação basta acessar o site do festival www.visoesperifericas.org.br.

Publicado em Visões Periféricas | Comentários desativados

Confira o que vai rolar nessa terça-feira, dia 21 no Festival Visões Periféricas

Vamos aproveitar esse dia lindo no Rio de Janeiro para mais um dia de mostras dentro do Festival Visões Periféricas 2012. Hoje o dia é bem cheio de atividades. Confira:

No Oi Futuro em Ipanema:

Mostra Periferia Animada às 10h;
Mostra Ibero-americana às 15h;
Mostra Cinema da Gema às 17h;
Mostra Visorama às 19h.

Na Comunidade Santa Marta, na Av. Padre Helio, 25 (Associação dos Moradores):

Exibição do filme Santa Marta de Eduardo Coutinho às 21h.

 

Publicado em Visões Periféricas | Comentários desativados