Mesas-redondas

Mesa 1 Você mídia – experiências de comunicação em redes sociais

20.10 (quinta) – 16h – Oi Futuro em Ipanema Rua Visconde de Pirajá, 54 (metrô Gal. Osório)

Patrícia Moura @missmoura
Patrícia Moura é Publicitária com especialização em Mídias Digitais, atua como Gerente de Mídias Sociais da CasaDigital e Professora da Pós- graduação em Marketing Digital Igec-Facha.

Flávio Lamenza www.chongas.com.br

Flavio Lamenza, criador do Chongas, publicitário, internet evangelist (palavra chique e da moda) e corta o cabelo bem curtinho pra fingir que é careca. Criou o Chongas há 7 anos e hoje vive exclusivamente do Blog. Era gerente do departamente de Mídia Social da Hi-Mídia, quando percebeu que poderia ganhar dinheiro com o Blog e apostou nesta iniciativa.

Landa Araújo www.landaaraujo.com

Landa Araújo é jornalista e pós-graduada em Segurança Pública e Cidadania. Nascida na Rocinha é assessora de imprensa, correspondente comunitária do portal Viva Favela e colaboradora do Rocinha.org. Entre suas atividades, se dedica a um blog que levanta diversas questões, desde violência à cultura e escreveu para um blog da MTV sobre a comunidade em que vive.

Mesa 2 Múltiplas linguagens de audiovisual - o futuro da produção e exibição

26.10 (quarta) – 16h – Oi Futuro em Ipanema Rua Visconde de Pirajá, 54 (metrô Gal. Osório)

Júlia Levy

Júlia Levy é economista formada pela Universidade Federal Fluminense e pós- graduada em Cinema Documentário pela Fundação Getúlio Vargas, RJ. Iniciou sua carreira como pesquisadora acadêmica do curso de economia e, posteriormente, como produtora de festivais de cinema, dentre eles o Festival Curta Cinema, Festival do Rio, Mostra de São Paulo e Festival É tudo verdade. É Coordenadora Acadêmica do curso de Gestão de Projetos do Entretenimento da Fundação Getúlio Vargas e, desde 2008 trabalha no setor audiovisual da Secretaria de Estado de Cultura (SEC), onde atualmente ocupa o cargo de Superintendente do Audiovisual.

Pedro Asbeg

Pedro Asbeg dirige e edita documentários, tendo recentemente montado os filmes de longa- metragem “Vou Rifar meu Coração”, “Carta para o Futuro”, “Copa Vidigal”, “Enchente” e “Cidadão Boilesen”, vencedor do festival de documentários É Tudo Verdade em 2009. Dirigiu e produziu mais de vinte curtas-metragens pela Raça Filmes e lançou seu primeiro longa como diretor, “Mentiras Sinceras”, em outubro de 2011. Atualmente dirige seu segundo longa- metragem, “Democracia em Preto e Branco”.

Raphael Gyer Aguinaga

Raphael Gyer Aguinaga é diretor da Vilacine Serviços Cinematográficos, uma empresa liderada por jovens empresários com experiência no mercado de cinema, que faz a programação do Cine Jóia. Foi diretor do Banco Finasa de Investimento; assessor da presidência da Petroquímica União; é o atual diretor financeiro da Lemans Empreendimentos e Participações, e está finalizando seu primeiro longa-metragem La Sublevación, filmado na Argentina.

Mesa-redonda ASCINE-RJ

Cineclubismo e Educação
22.10 (sábado) – 16h

Sala Multimídia – Centro Cultural Justiça Federal Av. Rio Branco, 241 (metrô Cinelândia)

Monique Franco (Cineclube Cinema Paraíso)

Mediadora – Doutora em Comunicação e Cultura ECO/UFRJ. Coordenadora do Núcleo Interdisciplinar Resistência & Arte (NIRA/ UERJ/CNPq) e do Laboratório Audiovisual Cinema Paraíso.

Luiz Claudio Motta Lima (Cineclube Subúrbio em Transe)

Geógrafo e Professor de Geografia pela UERJ. Professor da Oficina de Vídeo do Núcleo de Arte Grécia. Realizador independente de curtas, médias e um longa-metragem.

Heraldo HB (Cineclube Mate com Angu)


Clementino Junior (Cineclube Atlântico Negro)

Cineasta, animador, cineclubista e bacharel em designer gráfico pela UFRJ. Atualmente leciona Multimeios no curso técnico em comunicação do Instituto Tecnológico O.R.T. e produz o Cineclube Atlântico Negro.

Adelaide Léo (Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro)

Educadora e psicóloga. Implantou e atualmente é uma das coordenadoras do Projeto Cineclube nas Escolas, da SME/RJ. Coordena, também, um projeto de Filosofia com crianças, em uma escola da rede municipal de Duque de Caxias, numa parceria com a UERJ.

Mesa-redonda ABDeC-RJ - (Associação Brasileira de Documentaristas e Curta-metragistas do Rio de Janeiro)

23.10 (domingo) – 16h
Sala Multimídia Centro Cultural Justiça Federal Av. Rio Branco, 241 (metrô Cinelândia)

O olhar sobre a periferia projetado nas telas já teve vários formatos, e neste encontro a ABDeC-RJ vem convidá-los a conhecer, refletir e comparar estes e outros olhares a partir das obras e experiências.
Palestrantes: Wagner Novais, novo sangue do cinema autoral nacional, com um olhar particular e autêntico sobre a periferia; Clementino Junior, cineasta, cineclubista e professor e convidados.

© 2018 Visões Periféricas | DESENVOLVIMENTO: RIVELLO / MENTA